Google+ Followers

domingo, 23 de setembro de 2012



Embora me rasteje, embora queira sempre ir ao lado contrario
Embora queira ter toda a força do mundo, embora me faça de boba
Embora seja forte por fora, embora ame mais que podia amar..
Embora sempre me faça de fraca, embora não ouça bem
Embora seja mesmo um pouquinho de louca, embora seja temperamental 
Embora seja ciumenta, embora não curta as palavras mal ditas
Embora more longe eu vivo a pensar que podia voar...
E fazer todos esse "Embora" sumir pois o que queria mesmo
Era fazer de mim alguém natural, mas não sei ser alguém natural
Odeio tudo, odeio suas musicas e rimas mal feitas, odeio seu "funk"
que acaba com a integridade, odeio ter que seguir caminhos contrários
do que quero, odeio ser eu assim tão justa que queira lhe agradar
E esquecer de mim mesma, se fosse eu mesma não existia.

Chris ht

Um comentário: